Vineyardbrasil
13.05.2015 Ler todos artigos

Ministrando louvor no perído de oração

Por Fabiano Alves
Imagine a seguinte situação: “O pastor está encerrando sua pregação. Sua equipe de louvor já está tranqüilamente sentada, com a sensação de dever cumprido após ter liderado um período de louvor de quatro a cinco musicas. Mas inesperadamente, o pastor suavemente convida a igreja a responder a palavra de Deus, em atos físicos como ficar de pé ou ir até a frente, no que costumamos chamar de “altar”, para receber uma oração por algo específico. A equipe de louvor sobe até plataforma onde estão os instrumentos, e depois de uma breve conversa com o pastor, ou simplesmente por inspiração divina, sem distrair a igreja, tenta tocar o que está no coração de Deus, participando ativamente desse processo”.
Tenho lidado com momentos como esse desde que comecei a liderar louvor, e durante essa minha jornada, pude experimentar que esse pode ser o momento mais precioso durante um culto.
E é por isso que resolvi escrever esse artigo. Se esse momento é tão especial, porque não nos preparamos pra ele, assim como nos preparamos para o período de louvor? É certo que nem sempre podemos saber a direção em que o Espírito irá soprar, mas na tentativa de ser assertivo, entre uma “bola fora” e outra, aprendi algumas dicas que gostaria de deixar aqui registradas. Espero que possam ajudar.
O QUE TOCAR?
·         Se você montou sua lista de musicas para o período de louvor baseado no tema da pregação da noite, provavelmente você já tem uma grande pista do que tocar no período de ministração. Por isso é fundamental que você converse com o pastor sobre o culto de domingo durante a semana.
·         Vez ou outra, repito a musica que escolhi para o momento de intimidade no período de louvor durante a ministração. Mas isso não impede que eu escolha uma musica especifica para esse momento.
·         É muito importante que toda a equipe de louvor esteja atenta a pregação, observando para onde o Vento está soprando. Muitas vezes eu decidi que musica seria feita num provável tempo de ministração enquanto Deus falava comigo através da pregação.
·         Se você já tiver uma musica em mente, submeta ao pastor antes de começar a tocá-la, mas faça isso discretamente, sem “desligá-lo” do que ele está fazendo. Ao fazer isso, esteja aberto para uma sugestão repentina dele. Se a banda não souber tocar a musica, opte por um arranjo mais simples, como apenas teclado e voz, ou violão e voz, mas valorize a sugestão do pastor. Se você tiver um grupo de músicos experientes, mesmo que não conheçam a musica, na segunda vez que ela for tocada todos estarão te acompanhando.
COMO TOCAR?
·         Em primeiro lugar, sugiro que você peça para a banda inteira estar pronta pra tocar junto com você, mesmo que no processo você não use todo mundo.
·         Se a musica que você escolheu tem em seu arranjo uma introdução ligeiramente “pesada”, considere a possibilidade de começá-la diferente. Pense numa maneira de suavizar, começando apenas com teclado ou violão, e acrescentando outros elementos aos poucos.
·         Esteja atento as intervenções do pastor enquanto toca ou canta. Lembre-se que o líder nesse momento é o pastor, e você está apenas apoiando seu trabalho.
·         Se o coro da musica é o que você sente que Deus está falando ou quer ouvir naquele momento, gaste um tempo com ele. Não tenha pressa de cantar a musica inteira.
·         Se as pessoas estiverem recebendo oração, cuide para que o volume da banda não atrapalhe.
·         Não esqueça a banda pra trás. Lembre que, especialmente num momento que pode tomar uma atmosfera espontânea como esse, a banda precisa muito dos seus sinais e deixas. Assim que você subir, rapidamente já converse com a banda sobre seus planos.
 
QUANDO TOCAR?
·         Se seu pastor já espera a banda no final de cada culto, não espere que ele chame. Esteja atento à conclusão da mensagem e fique num lugar onde o pastor possa te ver. Com um simples olhar você pode entender o que deve fazer.
·         Quando o pastor terminar o culto, considere a possibilidade de continuar tocando por mais alguns minutos. Algumas pessoas podem ainda permanecer ali com o Senhor, e nós podemos ajudá-la musicalmente mesmo após o culto.
·         De preferência, não cante enquanto o pastor fala. Se ele começar a falar enquanto você canta, De um passo para trás, diminuindo o volume ou mesmo parando de cantar por um tempo.
 
Essas são algumas dicas que podem ajudar, mas acima disso tudo, nunca se esqueça que o líder de louvor é muito mais que um cantor. Estamos nessa função com a nobre tarefa de perceber o que Deus está fazendo e comunicar isso musicalmente a nossa comunidade.
Quanto mais seu relacionamento com Deus estiver bem “afinado”, mais naturalmente você irá reagir a um período de ministração, e maior será seu entrosamento com o seu pastor.
 

voltar

2010 Vineyard Recursos. Todos os Direitos Reservados.
Revelare, Agência de Comunicação e Internet